Empresa de Maringá entregava carne adulterada para merenda escolar de Cambé

Nutricionistas da Secretaria Municipal de Educação de Cambé, denunciaram à Polícia Civil que uma empresa de Maringá estava entregando carne de procedência duvidosa nas escolas do Município.

O caso foi investigado e constatou-se a irregularidade na sede da empresa a Polícia encontrou mais de 700 quilos de carne em uma câmara fria e vários rolos de rótulos falsificados. O proprietário  da empresa  foi ouvido e confirmou que só tinha autorização para comercializar o produto em Maringá e por isso identificava as embalagens com rótulos de uma empresa de São Paulo.

A investigação do caso será prosseguida pela Polícia de Maringá, já que a empresa está instalada naquela cidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


%d blogueiros gostam disto: