Em Cambé expectativas sobre emprego e renda melhoram com criação de mais vagas

Nos quatro primeiros meses deste ano o comparativo entre as admissões e os desligamentos apresentam saldos positivos.

Os primeiros quatro meses de 2018 mostram uma expectativa de otimismo quanto a retomada da geração de novos postos de trabalho em Cambé, segundo dados divulgados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho.

Após um período de forte retração registrada no Município entre os anos de 2014 e 2016, que provocou a extinção de mais de três mil empregos com carteira assinada, o saldo de janeiro a abril deste ano apresenta um resultado positivo com a criação de 320 novas vagas.

Estes dados são considerados significativos e revelam que o Município conseguiu conquistar a estabilidade no mercado de trabalho, levando-se em consideração as perdas registradas nos últimos anos.

Para o prefeito José do Carmo Garcia, esse processo de crescimento na abertura de novos postos deve seguir avançando. “A geração de emprego e renda é uma das principais prioridades desta administração”, afirma.

“Estamos empenhados para melhorar nossa infraestrutura em todos os setores, para atrair novos investidores oferecendo as garantias necessárias que cumpram as exigências requeridas para o pleno funcionamento de qualquer empresa”, acrescenta o prefeito.

Ainda sobre a questão da importância na melhoria da infraestrutura, José do Carmo destaca algumas das ações que estão sendo realizadas no Município.

Segundo ele, “para que os objetivos sejam alcançados, primeiro precisamos estabelecer parcerias com o Estado e União. Portanto, além da implantação de um novo distrito industrial que está em andamento, ressaltamos os investimentos feitos pela Sanepar com a ampliação do sistema de abastecimento de água e a implantação de rede coletora de esgotos sanitários, que até 2019 deverá atender 97,8% de todas as regiões da cidade; e a implantação da nova subestação da Copel, garantindo a oferta de energia elétrica capaz de atender qualquer tipo de empreendimento”.

O prefeito também destaca a duplicação de rodovias estaduais e federais em andamento na região e o novo projeto de incentivo à industrialização que já foi estabelecido pelo Município, “entre tantas outras melhorias que estão sendo executadas para gerar novas oportunidades a todos os moradores e, consequentemente, garantir uma boa qualidade de vida a toda nossa gente”.

Balanço de abril
Em abril, as empresas do município realizaram 772 admissões e 746 desligamentos, fechando o período com 26 postos de trabalho abertos. Com estes números, os saldos apresentados desde janeiro são mensalmente positivos.

No acumulado deste ano, as empresas cambeenses realizaram 3.159 admissões e 2.839 desligamentos, totalizando saldo positivo de 320 postos de trabalho. A atividade de alimentador de linha de produção foi a que mais movimentou mão de obra em abril. Foram 58 admissões contra 32 desligamentos, com saldo positivo de 26. A profissão de lagareiro, que se refere à pessoa que trabalha com tempero à base de azeite, raramente aparece no Caged.

Mas surpreendeu em abril com 15 admissões e nenhum desligamento, provavelmente em função dos pratos típicos do período da Paixão e da Páscoa, com a predominância de peixe na mesa.

COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


%d blogueiros gostam disto: