Cambé realiza ação em combate à exploração sexual infantil neste sábado

A Secretaria Municipal de Assistência Social realiza neste sábado (3) a ação em combate ao abuso e exploração sexual contra crianças e adolescentes. A campanha busca alertar e instruir pais e protetores para redução no número de casos e, também, motivar a denúncia. O evento será em frente à Prefeitura de Cambé, na Praça Getúlio Vargas, na Rua Dinamarca, 223, das 9h ao meio-dia.

Além da exposição de frases extraídas de crianças que foram atendidas pelo CREAS, a ação desse sábado vai fazer a mostra “Que roupa eu estava usando quando sofri violência sexual”. A ideia tem referência à ação feita no ano passado em Bruxelas, na Bélgica, onde um grupo de apoio às vitimas de estupro expôs roupas e assessórios usados pelas mulheres no dia em que foram estupradas para quebrar com a visão de que a culpa é da mulher.

De acordo com Flavia Iwakura, psicóloga e coordenadora do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), somente neste ano já foram registrados 40 casos de abuso e exploração sexual em crianças e adolescente entre 0 à 17 anos. Dentre esses casos, 26 relatos apontaram membros da família como principais agressores. A campanha, que teve início em 2009, já atendeu 505 casos no município.

Segundo Claudia Serpeloni, diretora de proteção social especial de Cambé, a exposição vai mostrar as roupas que 15 crianças do município estavam usando quando sofreram violência sexual. “Na exposição temos pijamas, uniforme escolar, roupas de treino de futebol e até fraldas. Todas as roupas são reais”, explica Claudia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


WhatsApp chat
%d blogueiros gostam disto: